Quem é Maria l O Rosário l Aparições l Novenas l Orações l Devoção do Mês l Artigos l Imagens l Links l Home


Artigos
___________________________________________________________________
Com Maria, ofertamos a Deus nossas vidas


São muitas as tradições litúrgicas e religiosas que cultivam nossa espiritualidade. A oração do rosário é uma das mais tradicionais. A vida litúrgica de nossas comunidades visa alimentar a vida comunitária, as relações entre os fiéis e o encontro comunitário com Deus. Da mesma forma, nossas práticas de piedade nos levam a viver a fé com maior devoção e com maior entusiasmo nossa vida cristã cotidiana.

A oração do rosário é uma riquíssima fonte de graças, pois nos propicia uma afetuosa comunhão com Maria, a mulher cheia de graça. Ao mesmo tempo em que Deus encheu de graças o espírito amável de Maria, ele a encontrou solícita para a missão de acolher no mundo seu Filho, concebido do Espírito Santo. Desse modo, Deus plenificou de graças a vida de Maria e, quando a chamou por seu nome para uma missão, a encontrou cheia de graças. Embora Maria fosse uma serva fiel e filha querida de Deus, o convite de Deus não se realiza por seu mérito, mas pelo Amor de Deus lhe consagrou, como representante de toda a humanidade.

A graça habitava em sua vida e seu viver tornou-se uma fonte perene das graças divinas. Em minha vida, com a mesma gratuidade, Deus traz constantemente a sua graça e a cada momento bate às portas de meu coração para colher os bens dessa graça em favor de toda a humanidade, sobretudo dos pobres, dos aflitos, dos abandonados. Deus nos plenifica de sua graça, para que, pelo Espírito Santo sirvamos seu Filho Jesus Cristo, presente em nossa Igreja e vivente na sua criação.

 

A cada momento, Deus se aproxima de nós para colher os frutos de sua graça que foram fecundados em nossa vida. A oração do rosário nos permite viver mais profundamente na graça divina, ao mesmo tempo em que o Espírito nos fortalece, pela mediação de Maria, para que respondamos com alegria ao apelo de Deus, que nos convida a continuar a missão de Jesus Cristo.

No rosário, nós contemplamos os mistérios da salvação que Jesus Cristo trouxe ao mundo. Pela contemplação desses preciosos mistérios, participamos da missão redentora do Filho de Deus e acompanhamos seus passos na história da humanidade, como cordeiro de Deus, que tira os males do mundo e o fecunda com seu amor misericordioso.
Nem sempre estamos profundamente integrados espiritualmente a Deus como Maria, quando rezamos o seu rosário. Tantas vezes, estamos perturbados pelas angústias cotidianas, e nem sempre temos a pureza de coração para entrar na esfera dos mistérios divinos. Nesses momentos, devemos ofertar a Deus, pelas mãos de Maria, não apenas nossos sorrisos e nossa alegria, mas devemos entregar-lhe também nossas angústias, nossos temores e nossa tristeza. Se nosso coração estiver maculado por mágoas, irritação e ressentimentos, devemos elevar a Maria esses sentimentos mais amargos, suplicando-lhe a transformação espiritual e serenidade da alma.
Para bem rezar o rosário, é preciso colocar-se sob o manto protetor de Maria, mãe de Deus, abrir o coração para que a luz divina possa entrar e clarear os recantos mais sombrios de nosso espírito. Rezar o rosário deve despertar em nossos corações as virtudes de Maria aprendendo, com sua forma de viver, a amar a Deus sobre todas as coisas, servindo os pobres, participando da comunidade cristã e se engajando nas causas do bem na sociedade.
Nossas preces são expressões profundas de nossos sentimentos mais caros. Não devem ser repetição de fórmulas, embora as conheçamos de memória. A verdadeira prece é uma conversa amável com Deus. As orações do pai-nosso e da ave-maria são declarações de amor. O pai-nosso é uma declaração de amor a Deus, que se revela como Pai providente. A prece da ave-maria é assumir o projeto do reino de Deus. A repetição dessas preces fortalece nossos ideais e, quando rezadas com devoção e atenção espiritual, não se tornam simples repetição, mas confirmação de fé e de amor às grandes figuras de nossa fé cristã: Jesus Cristo e Maria, a mãe de Deus.Que a mesma Maria de Nazaré nos dê a graça de bem rezar o rosário, para seguir nos seus passos os caminhos de Jesus Cristo, a quem devemos toda glória e louvor. Como o poeta encantado que declama versos para sua mãe querida, nossas preces devem ser declaração, de amor e bem-querer a Maria, que nos ofertou Jesus Cristo, o mais precioso tesouro do mundo.

 

Fonte Consultada: Nos Passos de Maria: para meditar o rosário a cada dia/Antonio Sagrado – Paulinas, 2003.

 


®2005 - Todos os direitos reservados l Desenvolvido por Karina Melo